Para desfrutar de todas as características de Fungipedia, você deve criar uma conta. Clique no botão para iniciar o processo de criação da conta.

Clitocybe phyllophila

(Pers.) P.Kumm.

Informações adicionais:

  • Nomes comuns: Nenhum.
  • Sinônimo: Clitocybe cerussata (Fr.) P. Kumm.

Taxonomia:

  • Divisão: Basidiomycota
  • Subdivisão: Basidiomycotina
  • Classe: Homobasidiomycetes
  • Subclasse: Agaricomycetidae
  • Ordem: Tricholomatales
  • Família: Tricholomataceae
Clitocybe phyllophila - toxica

Características macroscópicas

Características:

Chapéu de dimensões intermédias, podendo superar os 5 cm de diâmetro mas sem chegar aos 10 cm. De forma convexa numa primeira etapa de vida, chegando a planar-se mas mantendo um mamelão no centro. É de cor branca, no entanto está coberta de escamas que consoante as condições tende a ficar rosa ou tons cremes. A margem é bastante regular.

Lâminas decorrentes, mas não tanto como outras especies do seu género. De cor branca tornando-se cremes quando velhas.

central e cilíndrico, bastante grosso e proporcional ao chapéu. É de cor branca mas tornando-se creme a partir da base.

Carne relativamente espessa e de cor branca. Odor fúngico suave, agradável e bom sabor, doce e ligeiramente farinhento.

Habitat:

Frutifica em coníferas e latifoliadas. É uma espécie outonal e bastante frequente.

Observações:

Não é relevante a sua localização nem a cor da esporada que modifica-se em condições climáticas extremas. É uma espécie muito tóxica e de bom sabor, não confundir com o Clitopilus prunulus ou Clitocybe nebularis, espécies comestiveis, a primeira tem esporada rosa e lâminas decorrentes, a segunda de odor muito característico.

Navegue entre as diferentes espécies: « Clitocybe odora Clitocybe rivulosa »